Curta e Siga


Uso da Gestalt terapia no tratamento da Anorexia





Olá! Tudo bem? Esse blog faz parte da Chakalat.net e esse post fala sobre Uso da Gestalt terapia no tratamento da Anorexia.




Gestalt é uma abordagem psicoterapêutica centrada no cliente. Essa abordagem ajuda os clientes a se concentrarem no presente. Eles passam a entender o que realmente está acontecendo em suas vidas agora. Em vez de simplesmente falar sobre situações passadas, os clientes são encorajados a experimentar demandas atuais por meio de reencenação.

Através do processo gestáltico, os clientes aprendem a tornar-se mais conscientes de como seus próprios padrões de pensamento. Passam, então, a conhecer comportamentos negativos que possam bloquear a verdadeira autoconsciência e tornando-os infelizes.

A Gestalt-terapia trabalha os sentimentos do sujeito, tendo como principal propósito que esse sujeito, o paciente, cumpra sua missão, se perceba vivo, dinâmico e, principalmente, cheio de infinitas possibilidades. O gestalt-terapeuta assume a função de catalisador da autopercepção do paciente, mais conhecida como "awareness", a redescoberta de que ainda se está vivo e pronto para fechar velhas portas e atravessar novas janelas

Gestalt-terapia busca através desse enfoque fenomenológico, compreender a compulsão alimentar enquanto uma totalidade em si que, no entanto, cabe destacar que a mesma é parte integrante de uma totalidade bem mais complexa, a qual representa o ser humano, e que esta, por sua vez, faz parte de uma totalidade ainda maior e mais complexa que representa a relação entre o indivíduo e seu meio.

Portanto, a Gestalt-terapia ainda tem muito a contribuir para os problemas relacionados aos transtornos alimentares, tal como a anorexia.

Atualmente, o padrão de beleza estipulado pela sociedade é de um corpo longilíneo e magro, e a massa corporal abaixo do índice recomendado pela Organização Mundial da Saúde.

Este transtorno alimentar geralmente possui maior incidência entre adolescentes do sexo feminino, provocando fortes prejuízos biológicos, psicológicos e sociais e, consequentemente, proporcionando o aumento das taxas de morbidade e mortalidade entre esta população

Devido ao fato de apresentar incidência crescente, esse transtorno demanda prevenção e tratamento através da psicoterapia, avalição psiquiátrica, orientação nutricional, promovendo assim, um acompanhamento de uma equipe interdisciplinar composta por nutricionista, psicólogo, educador físico, psiquiatra e clínico geral. Isto é necessário pois se trata de um dos transtornos alimentares que mais matam no mundo, seja por desnutrição, problemas cardíacos e até mesmo suicídio.

Além disso, em grande parte dos casos, a pessoa com anorexia, assim como outros transtornos alimentares, não se considera doente, recusando qualquer tratamento, mesmo com o surgimento de comorbidades.

Destaca-se, ainda, que a Gestalt-terapia é uma abordagem que pode trabalhar com todos os tipos de transtorno alimentar, visto que a concepção de um processo terapêutico calcado na relação intersubjetiva recoloca o sujeito do terapeuta em relação direta com a pessoa do cliente. Frente a isso, como a Gestalt-terapia pode influenciar no tratamento de adolescentes diagnosticados com anorexia?

Espero que você tenha gostado da nossa abordagem.

Se você for profissional da saúde, conheça a página que a Quero Conteúdo oferece com materiais gratuitos. Clique aqui .
Você também pode ter informações sobre Cursos Online para Profissionais da Saúde clicando aqui!

Se você quiser receber notícias sobre saúde em geral, entre nos grupos do Whatsapp e no grupo do Telegram.

Deixe seu comentário:

Nenhum comentário